Introdução aos Estudos Históricos


CÓD. NO SINGU: DHR30003

DISCIPLINA: Introdução aos Estudos Históricos

CARGA HORÁRIA: 80h

CRÉDITOS: 04

 

OBJETIVO


Compreender o que é o conhecimento histórico, como se produz e sua finalidade, relacionando História e memória, a crítica e a análise histórica, nas principais abordagens interpretativas da História ocidental ao longo do tempo e as diferentes Histórias.

 

EMENTA


Técnicas de leitura e fichamento de textos (fontes primárias e secundárias) e de materiais não-textuais. A natureza do conhecimento histórico. Principais correntes da historiografia. O ofício do historiador.

 

METODOLOGIA


A disciplina será desenvolvida através dos seguintes procedimentos metodológicos: aulas expositivas e dialógicas, trabalhos individuais e coletivos (em grupo), estudo com leitura de textos indicados, debates, seminários, filmes e análises de temas específicos.

 

PROGRAMA


1. O que é e para que serve a História?

2. O ofício de historiador e a construção do conhecimento histórico.

3. História e memória.

4. Diferentes abordagens, diferentes Histórias:

4.1. A Ilustração.

4.2. A invenção do progresso.

4.3. Revolução e restauração.

4.4. Marx e o materialismo histórico.

4.5. Historicismo e nacionalismo.

4.6. As três gerações dos Annales

4.7. A História Cultural

5. Ideologias e mentalidades: a História numa encruzilhada.

6. História e interdisciplinaridade.

7. História e pós-modernidade.

 

BIBLIOGRAFIA BÁSICA


BLOCH, Marc. Apologia da História: ou o ofício de historiador. Rio de Janeiro: Ed. Zahar, 2002.

BOURDÉ, Guy; MARTIN, Hervé. As escolas históricas. Lisboa: Publicações Europa-América, s/d.

BURKE, Peter. A escola dos Annales, 1929-1989. A Revolução Francesa da Historiografia. São Paulo: Ed. Da UNESP, 1997.

CARDOSO, Ciro F.; Uma Introdução à História. São Paulo: Brasiliense, 1984.

_____; VAINFAS, Ronaldo (orgs.). Domínios da História: Ensaios de teoria e metodologia. Rio de Janeiro: Ed. Campos, 1997.

CARR, Edward H. O que é História? Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1996.

FONTANA, Josep. A História dos homens. Bauru: EDUSC, 2004, p. 107-241.

GRAMSCI, Antônio. Concepção dialética da história. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1987.

LE GOFF, Jacques. História e Memória. 4. ed. Campinas: Ed. Da UNICAMP, 1996.

RIOUX, Jean-Pierre; SIRINELLI, Jean-François (direc.). Para uma História Cultural. Lisboa: Ed. Estampa, 1998.

 

BIBLIOGRAFIA COMPLEMENTAR


BOUTIER, K.; JULIA, D. Passados Recompostos: campos e canteiros da história. Rio de Janeiro: UFRJ, 1997.

BRAUDEL, Fernand. História e Ciências Sociais. Lisboa: Presença, 1990.

BURKE, Peter. A Escrita da História: Novas Perspectivas. São Paulo: UNESP, 1992.

DOSSE, François. A História em migalhas: dos "Annales" à "Nova História". São Paulo: Ensaios, 1992.

FEBVRE, Lucien. Combates pela História. Lisboa: Presença, 1989.

FONTANA, Josep. Introdução ao estudo da história geral. Bauru: EDUSC, 2000.

_____. História: Análise do passado e projeto social. Bauru: EDUSC, 1998.

FOUCAULT, Michel. Microfísica do poder. Rio de Janeiro: Graal, 1986.

GLÉNISSON, Jean. Iniciação aos Estudos Históricos. São Paulo: DIFEL, 1983.

GINZBURG, Carlo. Mitos, emblemas, sinais. São Paulo: Cia das Letras, 1989.

HOBSBAWM, Eric. Sobre História. São Paulo: Cia das Letras, 1998.

LE GOFF, Jacques; LADURIE, E. Le Roy; DUBY, Georges. A Nova História. Lisboa: Ed.70, 1977.

REIS, José Carlos. A Escola dos Annales: a inovação em História. São Paulo: Paz e Terra, 2000.

_________. História & teoria: historicismo, modernidade, temporalidade e verdade. 3 ed. Rio de Janeiro: FGV, 2007.

 




<<
Setembro 2021
>>
DoSeTeQuQuSe
   1234
567891011
121314151617
18
19202122232425
2627282930